10 de Outubro de 2007

0000bher

 

Lisboa, 10 Out (Lusa) - O conselho deontológico do Sindicato dos Jornalistas quer que a administração da RTP explique as medidas a adoptar face às recentes acusações de José Rodrigues dos Santos e sobre uma deliberação de 2004 da AACS que apontou falhas na independência da estação.

    O organismo quer um "esclarecimento cabal" da administração da RTP quanto à posição que tem [relativamente às acusações do jornalista de que o poder político passa "recados" à direcção de Informação através das administrações da empresa] e à leitura que fez da deliberação da AACS [Alta Autoridade para a Comunicação Social, antecessora da actual entidade reguladora]".

    Esclarecimentos que o organismo do Sindicato dos Jornalistas pretende obter a fim de "fundamentar" um parecer sobre o assunto, como refere em comunicado hoje divulgado.

    Assumindo-se preocupado com a decisão do conselho de administração da RTP de "iniciar os procedimentos legais" em relação ao pivot da RTP devido às declarações deste à revista Publica do passado fim-de-semana, o conselho deontológico lembra que o jornalista pediu um parecer "antes da decisão da administração da RTP ser conhecida".

    O parecer a emitir é relativo "à polémica das declarações actuais e aos acontecimentos que determinaram a sua demissão [de José Rodrigues dos Santos] de director de Informação da RTP em 2004", adianta no mesmo comunicado.

    Em entrevista dada domingo passado à revista Pública - intitulada "A administração da RTP passa recados do poder político" -, o pivot da RTP afirmou que a administração da RTP interferiu na nomeação de Rosa Veloso para correspondente em Madrid em 2004, decisão que, segundo defendeu, compete apenas à direcção de informação.

    A alegada interferência levou José Rodrigues dos Santos a demitir-se juntamente com a restante equipa da direcção de Informação.

    Apesar de o conselho de administração ter assegurado terça-feira que o jornalista apenas concretizou as acusações com “um facto ocorrido há 3 anos e que na altura foi esclarecido nos locais próprios (AACS e Assembleia da República)”, o conselho deontológico recorda que essa não foi a conclusão da Alta Autoridade.

    Esta entidade "considerou que o processo envolvente dos factos revelou 'uma criticável falta de clareza na separação de responsabilidades entre a administração e a direcção de Informação do operador público, com prejuízo para a independência e liberdade editorial'".

    o organismo salienta ainda que "um jornalista, mesmo que detentor de um cargo de director de Informação, tem direito à protecção da independência e o dever ético de denunciar interferências consumadas na área editorial por entidades que não são jornalísticas".

   

    PMC.

    Lusa/Fim

 

NOTÍCIA AGÊNCIA LUSA

LUSA

publicado por Portugal TV às 19:19
VÍDEOS
Televisões mostram José Sócrates a preparar comunicação ao País Bloqueio à Liberdade de Informação no CascaisShopping
Em Votação:
"Peso Pesado" poderá ser a salvação das audiências da SIC?
Sim, porque é um programa cativante que fideliza o público.
Não, porque o programa é um bocado entediante.

últ. comentários
Parabens pelo blog :)
Viva!Não sei se alguem ira ler este meu comentario...
Herman José na rtp! Finalmente! Eu adoro-o desde s...
Esta foi das melhores noticias da tv que recebi! e...
Meu caro, Alguém o obriga a vir cá? Eu só visito o...
Este blog parece (ou é) um blog sobre a sic....
"O MELHOR GENÉRICO" O PRIMEIRO CONCURSO DO SÉRIES ...
sinais de fogo
O único exemplo no meio desta historieta que realm...
Caro TVI Blog, apenas alguns esclarecimentos:1- La...
Número de Visitantes:
free hit counter
hit counter
RECORDE DE VISITANTES:
EU JORNALISTA atingiu o recorde de 1466 visitantes únicos no dia 7 de Setembro de 2009, o que corresponde a 2301 visualizações do blog num único dia. Obrigado pela preferência e... volte sempre! (O anterior recorde foi de 376 visitantes no dia 1 de Fevereiro de 2009.) portugaltv@sapo.pt
BEM-VINDOS AO BLOGUE "EU JORNALISTA"
Agora com novas funcionalidades: VIDEO e MÚSICA.
MÚSICA
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
16
17
19
23
26
28
30
Últimas Audiências:
AUDIÊNCIAS MAIO 2011: TVI: 25,9%, SIC: 24% RTP: 22,1%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2011: TVI: 25,8%, SIC: 23,2% RTP: 21,5%. AUDIÊNCIAS MARÇO 2011: TVI: 26,3%, SIC: 23,5% RTP: 23%. AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2011: TVI: 26,9%, SIC: 22,9% RTP: 22,9%. AUDIÊNCIAS JANEIRO 2011: TVI: 28%, SIC: 24.1% RTP: 23.4%. AUDIÊNCIAS ANO 2010: TVI: 27,5%, RTP: 24,2%, SIC: 23,4% AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2010: TVI: 28.1%, RTP1: 24.5% SIC: 22.4%. AUDIÊNCIAS NOVEMBRO 2010: TVI: 27,3%, RTP1: 25,4% SIC: 23,1%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2010: TVI: 26,5%, RTP1: 23,6% SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2010: TVI: 27%, RTP1: 24,6% SIC: 22,3%. AUDIÊNCIAS MAIO 2010: TVI: 26,9%, RTP1: 23.7% SIC: 23.5%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2010: TVI: 27.3%, SIC: 23.8%. RTP1: 23.8% AUDIÊNCIAS MARÇO 2010: TVI: 28.7%, SIC: 23.8%. RTP1: 23.5% AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2010: TVI: 27,5%, SIC: 25,3%. RTP1: 24,7% AUDIÊNCIAS JANEIRO 2010: TVI: 28,5%, SIC: 25,2%. RTP1: 24,5% AUDIÊNCIAS ANO 2009: TVI: 28,7%, RTP: 24%, SIC: 23,4% AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2009: TVI: 27,5%, RTP1: 24,9%, SIC: 24%. AUDIÊNCIAS NOVEMBRO 2009: TVI: 28,4%, RTP1: 24,6%, SIC: 22,6%. AUDIÊNCIAS OUTUBRO 2009: TVI: 28,5%, RTP1: 23,9%, SIC: 23,4%. AUDIÊNCIAS SETEMBRO 2009: TVI: 27,5%, RTP1: 24,4%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS AGOSTO 2009: TVI: 25,8%, RTP1: 24,2%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS JULHO 2009: TVI: 28%, SIC: 24,3%, RTP1: 21,9%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2009: TVI: 29%, SIC: 23,5%, RTP1: 22,2%. AUDIÊNCIAS MAIO 2009: TVI: 31,5%, RTP1: 23,2%, SIC: 21,5%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2009: TVI: 30,2%, RTP1: 23,2%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS MARÇO 2009: TVI: 29,6%, RTP1: 24,3%, SIC: 23,2%. AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2009: TVI: 28,7%, RTP1: 25.9%, SIC: 24,4%. AUDIÊNCIAS JANEIRO 2009: TVI: 28,9%, SIC: 25.9%, RTP1: 25.4%. AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2008: TVI: 29.8%, RTP1: 25.5%, SIC: 25.4%. AUDIÊNCIAS ANO 2008: TVI: 30.5%, SIC: 24.9%, RTP1: 23.8%.
pesquisar neste blog
 
Outubro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
12
13
14
16
17
19
23
26
28
30