09 de Março de 2011

 

Confesso que o regresso de Nuno Santos à RTP me surpreendeu. Acima de tudo, por várias ordens de razão:

 

1- Regressado em 2007 à SIC, este era claramente o ano-chave da era Nuno Santos. Era para mim óbvio, que se os milhões que Carnaxide investiu este ano em programação não trouxessem resultados, o Director de Programas (DP) seria demitido. Em tempo de crise, a SIC comprou alguns dos - talvez - mais caros formatos internacionais: Biggest Loser, Portugal Tem Talento e Xfactor. Além disso, contratou - e continua a tentar contratar mais - estrelas da concorrência com salários milionários. Agora, o tempo era de espera. De observação de resultados e de planeamento da grelha de Inverno. Nuno Santos não quis esperar...

 

2- Apesar da formação e experiência jornalística - inclusivamente em cargos directivos (SIC) - há mais de dez anos que Nuno Santos não exerce a actividade de reporter. Nos últimos tempos "especializou-se" na área do entretenimento. Passou a pasta da informação a outros que entretanto chegaram ao mercado. Ainda assim, a RTP achou que ele era a melhor opção para Director de Informação (DI) do canal público.

 

3- Com a escolha de Nuno Santos, a RTP volta mais uma vez, a passar um enorme e público atestado de incompetência aos jornalistas da casa. Assume e declara "aos quatro ventos" que, dentro da estrutura da DI da RTP não há ninguém capaz de assumir a liderança. Uma prova de fraqueza e cobardia da administração do canal público que irá certamente, causar problemas ao novo DI. Convém recordar que, já aquando da contratação de António Esteves da SIC, para sub-director de Informação da RTP, surgiram problemas com a redacção pelo mesmo motivo. É de estranhar que o canal líder da informação se veja "obrigado" a ir à concorrência buscar um director de programas e transformá-lo num jornalista.

 

4- Parece que na televisão portuguesa, o "poder" está sempre entregue aos mesmos. Um pouco à semelhança, aliás, do que se passa na política. Entre um, sai outro. Uma autêntica "dança de cadeiras" difícil de compreender. As administrações agem como se, em Portugal, apenas meia dúzia de cérebros iluminados percebessem de televisão. Na prática, todos cheiram a môfo. O resultado são as consecutivas e cada vez mais frequentes liderenças do cabo. As televisões cada vez mais se assemelham a uma monarquia promíscua em que primos e primas e tios e tias casam uns com os outros para que o poder nunca abandone a "família". Os canais e respectiva programação e informação estão cada vez mais iguais. A razão é simples: independentemente da camisola que, no momento, invergam, na prática as cabeças são sempre as mesmas.

 

EU JORNALISTA

 

publicado por Portugal TV às 12:17
VÍDEOS
Televisões mostram José Sócrates a preparar comunicação ao País Bloqueio à Liberdade de Informação no CascaisShopping
Em Votação:
"Peso Pesado" poderá ser a salvação das audiências da SIC?
Sim, porque é um programa cativante que fideliza o público.
Não, porque o programa é um bocado entediante.

últ. comentários
Parabens pelo blog :)
Viva!Não sei se alguem ira ler este meu comentario...
Herman José na rtp! Finalmente! Eu adoro-o desde s...
Esta foi das melhores noticias da tv que recebi! e...
Meu caro, Alguém o obriga a vir cá? Eu só visito o...
Este blog parece (ou é) um blog sobre a sic....
"O MELHOR GENÉRICO" O PRIMEIRO CONCURSO DO SÉRIES ...
sinais de fogo
O único exemplo no meio desta historieta que realm...
Caro TVI Blog, apenas alguns esclarecimentos:1- La...
Número de Visitantes:
free hit counter
hit counter
RECORDE DE VISITANTES:
EU JORNALISTA atingiu o recorde de 1466 visitantes únicos no dia 7 de Setembro de 2009, o que corresponde a 2301 visualizações do blog num único dia. Obrigado pela preferência e... volte sempre! (O anterior recorde foi de 376 visitantes no dia 1 de Fevereiro de 2009.) portugaltv@sapo.pt
BEM-VINDOS AO BLOGUE "EU JORNALISTA"
Agora com novas funcionalidades: VIDEO e MÚSICA.
MÚSICA
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
15
19
20
21
22
24
25
26
27
28
30
Últimas Audiências:
AUDIÊNCIAS MAIO 2011: TVI: 25,9%, SIC: 24% RTP: 22,1%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2011: TVI: 25,8%, SIC: 23,2% RTP: 21,5%. AUDIÊNCIAS MARÇO 2011: TVI: 26,3%, SIC: 23,5% RTP: 23%. AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2011: TVI: 26,9%, SIC: 22,9% RTP: 22,9%. AUDIÊNCIAS JANEIRO 2011: TVI: 28%, SIC: 24.1% RTP: 23.4%. AUDIÊNCIAS ANO 2010: TVI: 27,5%, RTP: 24,2%, SIC: 23,4% AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2010: TVI: 28.1%, RTP1: 24.5% SIC: 22.4%. AUDIÊNCIAS NOVEMBRO 2010: TVI: 27,3%, RTP1: 25,4% SIC: 23,1%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2010: TVI: 26,5%, RTP1: 23,6% SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2010: TVI: 27%, RTP1: 24,6% SIC: 22,3%. AUDIÊNCIAS MAIO 2010: TVI: 26,9%, RTP1: 23.7% SIC: 23.5%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2010: TVI: 27.3%, SIC: 23.8%. RTP1: 23.8% AUDIÊNCIAS MARÇO 2010: TVI: 28.7%, SIC: 23.8%. RTP1: 23.5% AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2010: TVI: 27,5%, SIC: 25,3%. RTP1: 24,7% AUDIÊNCIAS JANEIRO 2010: TVI: 28,5%, SIC: 25,2%. RTP1: 24,5% AUDIÊNCIAS ANO 2009: TVI: 28,7%, RTP: 24%, SIC: 23,4% AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2009: TVI: 27,5%, RTP1: 24,9%, SIC: 24%. AUDIÊNCIAS NOVEMBRO 2009: TVI: 28,4%, RTP1: 24,6%, SIC: 22,6%. AUDIÊNCIAS OUTUBRO 2009: TVI: 28,5%, RTP1: 23,9%, SIC: 23,4%. AUDIÊNCIAS SETEMBRO 2009: TVI: 27,5%, RTP1: 24,4%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS AGOSTO 2009: TVI: 25,8%, RTP1: 24,2%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS JULHO 2009: TVI: 28%, SIC: 24,3%, RTP1: 21,9%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2009: TVI: 29%, SIC: 23,5%, RTP1: 22,2%. AUDIÊNCIAS MAIO 2009: TVI: 31,5%, RTP1: 23,2%, SIC: 21,5%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2009: TVI: 30,2%, RTP1: 23,2%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS MARÇO 2009: TVI: 29,6%, RTP1: 24,3%, SIC: 23,2%. AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2009: TVI: 28,7%, RTP1: 25.9%, SIC: 24,4%. AUDIÊNCIAS JANEIRO 2009: TVI: 28,9%, SIC: 25.9%, RTP1: 25.4%. AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2008: TVI: 29.8%, RTP1: 25.5%, SIC: 25.4%. AUDIÊNCIAS ANO 2008: TVI: 30.5%, SIC: 24.9%, RTP1: 23.8%.
pesquisar neste blog
 
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
12
13
15
19
20
21
22
24
25
26
27
28
30