29 de Abril de 2008

  

Depois de vários anos de exibição, o programa Preço Certo que a RTP1 emite diariamente às 19h, parece finalmente estar perto do fim.

 

No último mês, as audiências têm demonstrado uma clara tendência de descida acentuada das preferências dos telespectadores. Um programa que já teve cerca de um milhão e quinhentos mil espectadores por dia, queda-se hoje, pelos 500 mil.

 

O formato, mais do que velho, está completamente esgotado, ultrapassado e "bolorento" até. O apresentador, cuja imagem simboliza tudo aquilo que um apresentador de televisão NÃO DEVE ser, deixou de "vender". Já de pouco lhe adianta tirar as calças, fazer caretas, mandar piadas jurássicas e afins para agarrar o público.

 

Com a queda do Preço Certo, quem mais tem lucrado é a concorrência, sobretudo a TVI que vê os seus "Morangos" aumentarem a audiência e a fazerem um bom lançamento para o Jornal Nacional.

 

Quem pouco capitalizou com a decadência do Preço Certo foi a SIC. A novela Sete Pecados continua a revelar-se incapaz de captar um elevado número de telespectadores às 19h e com isso, quem continua a perder é o Jornal da Noite.

 

 

publicado por Portugal TV às 21:52

Lisboa, 29 Abr (Lusa) - A SIC anunciou hoje ter apresentado duas queixas na Comissão Europeia devido às limitações impostas pela UEFA na cobertura jornalística do Campeonato Europeu de Futebol 2008, alegando estar a ser prejudicado o direito à informação.

    A estação do grupo Impresa solicitou à Comissão Europeia a abertura, “com urgência, de um procedimento de infracção contra a UEFA por abuso de posição dominante”, explicando que a UEFA a impede de ter acesso às conferências de imprensa por não ser a televisão detentora de direitos de transmissão televisiva do evento para o território português.

    "Esta é a primeira vez que tal atitude sucede num evento da envergadura de um campeonato europeu de futebol”, critica a estação em comunicado hoje divulgado.

    “Todos os jornalistas de rádio e de imprensa poderão estar presentes nas conferências de imprensa, ao contrário dos jornalistas das televisões que não possuem os direitos de exibição dos jogos", acrescenta.

    Considerando tratar-se de um “obstáculo absoluto ao exercício do direito à informação”, a SIC sublinha que a UEFA está a “limitar a escolha dos consumidores” ao obrigar os jornalistas da estação a distar pelo menos 1 quilómetro dos estádios onde se desenrolam os jogos do Euro 2008.

    A postura da UEFA tem como efeito “proteger a posição no mercado de todos aqueles concorrentes da SIC que, ao contrário desta, têm acesso às conferências de imprensa e ficam instalados em zonas mistas próximas dos diversos intervenientes nos jogos”, refere a empresa na queixa.

    O Euro 2008 tem início a 7 de Junho na Suiça e Áustria, pelo que a SIC considera haver "manifesta urgência" na decisão da UEFA.

    "Caso até ao início [do campeonato] não se ponha cobro às condutas da UEFA (...) os avultados prejuízos decorrentes para a SIC e demais ‘media representatives’ serão consequente e inevitavelmente irreparáveis", repara.

    Por isso, a televisão pede que a "UEFA autorize, de imediato, a SIC a aceder às conferências de imprensa que se realizam antes e depois dos jogos" e que a "diligencie no sentido de que as zonas mistas nas quais a SIC venha a ficar instalada ofereçam condições logísticas que tornem viável o exercício do direito à informação e, não coloquem a SIC em situação mais desfavorável” do que os outros órgãos de informação.
  
NOTÍCIA AGÊNCIA LUSA

LUSA

publicado por Portugal TV às 17:49
28 de Abril de 2008

REVISTA DE IMPRENSA:

Correio da manhã

Estreia depois do Verão - Ficção nacional ganha novo impulso

Arouca faz novela para a SIC

A SIC vai apostar em grande na ficção nacional e prepara a estreia para depois do Verão de uma nova novela portuguesa escrita por Manuel Arouca. O mesmo autor que assinou vários êxitos para a TVI, como ‘Jóia de África’, ‘Filha do Mar’, Jardins Proibidos’ e ‘Tu e Eu’.

"Esta novela é um original, escrito por Manuel Arouca, ao contrário de ‘Jura’ e ‘Resistirei’, e tem por objectivo tentar encontrar uma linguagem que o espectador passe a identificar como própria do canal", confirmou ao CM Virgílio Castelo, consultor para a ficção nacional da SIC.

 

Apesar de estar ainda na fase de escrita e de pré-produção, e por isso ser prematuro "falar em título e elenco", Virgílio Castelo explica que é uma novela contemporânea, que vai contar com muitos dos actores que já trabalharam na ficção da SIC e outros. "Temos uma filosofia de elenco muito boa e podemos aproveitar as pessoas que vêm de trás", disse aquele responsável, sem querer confirmar se Patrícia Tavares era uma das escolhidas. "Acreditamos que o que foi feito em termos de ficção na SIC tem uma mais-valia, e vamos aproveitar", frisou.

 

Para Virgílio Castelo, o importante é "apresentar a novela no início da próxima temporada, em horário nobre, e marcar a identidade da SIC. Gostaríamos, no trabalho futuro, que a SIC fosse suficientemente diferenciada da concorrência, de modo a que o espectador se apercebesse logo da diferença. Com esta novela queremos, de uma maneira fidedigna, retratar o nosso país."

 

 

NOVIDADES

 

Novela

Para além desta novela de Manuel Arouca, a SIC ultima ainda a estreia de uma série juvenil, ‘Rebelde Way’, mais dirigida ao público jovem.

 

Concursos

O entretenimento vai ser uma das mais-valias da nova grelha da estação de Carnaxide. Já acordado está o regresso de Herman, em Maio, e de Teresa Guilherme, para mais tarde.

 

Humor

Os Gato Fedorento estreiam um programa original na SIC em Outubro. O quarteto de humoristas vai exibir 26 episódios até ao final de 2009.

Isabel Faria
publicado por Portugal TV às 21:08
17 de Abril de 2008

Depois de semanas consecutivas de arraso da TVI, desta vez, foi a SIC que simplesmente "tirou do mapa" a concorrência, graças ao jogo do Sporting-Benfica para a Taça de Portugal.

 

É quase certo que este foi o programa mais visto de 2008, e com certeza um dos mais vistos dos últimos anos. O jogo foi chegou a ser visto por mais 3 milhões e 200 mil pessoas. Teve uma audiência média de 27% e um share de 57%.

 

O melhor momento da partida, em termos de audiência, foi às 22h24, quando as audiências atingiram o pico de 33.3% e o share chegava aos 69.6%.

 

Tal como o resultado do próprio jogo, o resultado destas audiências dificilmente será ultrapassado. Graças à "Nossa Senhora da Taça", a SIC liderou as audiências desta quarta-feira, fechando o dia com 37% de share e 5.5% de audiência.

 

A TVI ficou em segundo com 26.6% e a RTP quedou-se pelos 20.6% de share.

 

 

publicado por Portugal TV às 18:23

COMUNICADO N.º 73

17 de Abril de 2008 – 12.55 horas

VENTO E CHUVA – MEDIDAS DE AUTO-PROTECÇÃO

O Instituto de Meteorologia (IM) prevê que durante o dia de hoje, 17 de Abril, e até ao fim de Domingo, 20 de Abril, o território de Portugal Continental esteja sob a influência de uma depressão de actividade moderada, que poderá provocar, principalmente no Norte e Centro do País, precipitação forte em especial no período das 15 horas de hoje até às 06 horas de amanhã e durante o dia de Sábado, vento muito forte no Litoral Oeste e nas terras altas, soprando por vezes com rajadas (até 120 km/h), agitação marítima forte (até 6 metros), queda de neve acima dos 1300 metros e possibilidade de ocorrência de granizo e trovoada.

Face a estas previsões, a ANPC prevê os seguintes efeitos:

§     Inundações em meio urbano, por acumulação de águas pluviais ou insuficiências dos sistemas de drenagem;

§     Danos em estruturas montadas ou suspensas;

§     Aumento do número de acidentes de viação, devido à existência de piso escorregadio e eventual formação de lençóis de água, ao arrastamento de materiais sólidos para a via e a eventuais danos, não perceptíveis, existentes nas vias;

§     Queda de árvores.

Neste sentido, o Comando Nacional e os Distritais de Operações de Socorro estarão em Alerta Amarelo (reforço da estrutura operacional e maior preparação dos agentes de protecção civil para o socorro imediato), partir das 20 horas de hoje e até às 20 horas de domingo, dia 20 de Abril.

Às populações, a ANPC recomenda as seguintes medidas de auto-protecção:

§     Feche portas e janelas e retire os objectos soltos que se encontrem nas varandas e peitoris das janelas.

§     Sempre que possível, adie as viagens para as zonas afectadas pelos ventos fortes. Se não o puder evitar, modere a velocidade do veículo.

§     Preste atenção às estruturas montadas (andaimes, toldos, tendas, telhados), que poderão ser afectadas por rajadas mais fortes de vento, bem como a uma possível queda de árvores.

§     Ao conduzir, reduza a velocidade, conduzindo com cuidado devido a possíveis congestionamentos de tráfego. Tenha especial atenção aos lençóis de água que podem formar-se nas vias e à diminuição da visibilidade, que poderá aumentar o número de acidentes de viação.

§     Em caso de inundação no interior de sua casa por excesso de chuva, contacte os Bombeiros locais e/ou o Serviço Municipal de Protecção Civil do seu concelho.

§     Previna-se com roupa quente e calçado adequado.

Autoridade Nacional de Protecção Civil

 

publicado por Portugal TV às 17:09

Mau tempo: Protecção Civil acciona alerta "amarelo" a partir das 20h00m

17 de Abril de 2008, 14:27

 

Lisboa, 17 Abr (Lusa) - A Protecção Civil vai accionar o alerta "amarelo", o segundo de uma escala de quatro níveis, a partir das 20:00 de hoje, devido à previsão de chuva, vento e ondulação forte.

 

Em comunicado, a Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) refere que o Comando Nacional e os Comandos Distritais de Operações de Socorro vão estar em alerta "amarelo" até às 20:00 do próximo domingo.

 

O alerta "amarelo" significa um "reforço da estrutura operacional e maior preparação dos agentes de protecção civil para o socorro imediato".

 

O Instituto de Meteorologia (IM) prevê um "agravamento" do estado do tempo a partir do final da tarde de hoje no Continente.

 

De acordo com o IM, durante a noite de hoje e a próxima madrugada o vento vai soprar forte a muito forte do quadrante Sul em todo o Continente, sobretudo nas terras altas das regiões Norte e Centro, onde deverá soprar muito forte.

 

O IM prevê, igualmente, chuva durante o mesmo período, que será forte nas regiões do Norte e Centro.

 

Até segunda-feira mantêm-se condições para a ocorrência de precipitação e vento, por vezes forte em todo o território, adianta um comunicado do IM.

 

Por sua vez, a Autoridade Nacional de Protecção Civil prevê inundações no meio urbano, danos em estruturas montadas ou suspensas, aumento do número de acidentes de viação devido ao piso escorregadio e eventual formação de lençóis de água, além de queda de árvores.

 

A ANPC recomenda à população que feche as portas e janelas, o adiamento de viagens para as zonas mais afectadas, uma condução com cuidado e velocidade reduzida.

 

CMP.

Lusa/Fim

 

NOTÍCIAS AGÊNCIA LUSA

publicado por Portugal TV às 17:09
14 de Abril de 2008

REVISTA DE IMPRENSA:

Correio da manhã

José Carlos Malato renovou ontem contrato com a RTP até 2012. "Queremos continuar a contar com ele, garantindo-lhe assim estabilidade nos próximos quatro anos", afirma ao CM o director de Programas da estação, José Fragoso.

O apresentador, que comemora 25 anos de carreira, ficou feliz por renovar contrato, "porque se especulou muito sobre a minha possível ida para a SIC", afirma Malato, cujo vínculo com a RTP expirava no final do ano. "Foi importante este voto de confiança da administração", explica o comunicador, sublinhando: "Esta é a minha casa e aqui é que me sinto bem."

 

O contrato entre Malato e a empresa obriga-o "a executar trabalhos só para a RTP, o que compreende rádio e televisão" e permite-lhe fazer "a publicidade que quiser". "É um contrato de muita liberdade", diz.

 

A Direcção de Programas da RTP não quer que Malato se limite ao ‘Sexta à Noite’. "Além deste programa, temos a curto prazo mais uma ou duas ideias para ele, a somar ao que está a fazer, mas ainda não vou falar sobre elas", diz Fragoso.

 

Quanto ao ‘Sexta à Noite’, o director de Programas lembra que "é o único programa da TV portuguesa que permite, em prime-time, receber convidados", elogiando Malato: "É um grande comunicador."

 

O apresentador não esconde os problemas no programa, com a equipa da produção, que já mudou. "Só gosto de estar onde as pessoas gostam de mim. Quando pressinto que não gostam... saio. Neste caso, como estava na minha casa, num programa que me foi dado a mim, quem saiu não fui eu. Neste momento tenho uma equipa óptima", afirma Malato.

 

No que respeita às audiências do ‘Sexta à Noite’, Malato revela que a concorrência não lhe tem facilitado a vida. "Estou numa luta desigual num horário em que as pessoas estão habituadas a ver novelas", diz ao CM, sublinhando que, "se tivesse à mesma hora produtos parecidos, não teria nenhum medo de ir à luta".

 

Esta administração da RTP, ontem representada na assinatura do contrato com Malato, por Teresa Pignatelli e António Luís Marinho, recorde-se, já renovou com Sílvia Alberto, Jorge Gabriel e Fernando Mendes.

 

PERFIL

 

José Carlos Malato nasceu há 44 anos em Monforte. Licenciou-se em Ciências da Comunicação e, aos 19 anos, iniciou a carreira profissional numa rádio pirata em Tires, onde fez locução. Passou pela Rádio Comercial da Linha, Rádio Renascença, RFM, XFM, Rádio Comercial e Antena 3. Depois da experiência radiofónica arriscou a televisão, onde começou por fazer voz-off no departamento de autopromoção da SIC. Há seis anos mudou para a RTP, tendo apresentado entre outros ‘Top+’ e ‘Portugal no Coração’.

Márcia Bajouco
publicado por Portugal TV às 23:19
06 de Abril de 2008

 Teleinterator zappeando com o controle remoto

Não obstante as alterações às grelhas de programas e emissões futebolísticas especiais, todos os dias há "movimentações" dos telespectadores entre os diversos canais.

 

O fenómeno do zapping é uma constante, mas apesar dessas oscilações é possível traçar um perfil do telespectador com base nas seus hábitos mais frequentes.

 

MANHÃ:

 

O dia do telespectador começa na RTP1. O Bom Dia Portugal, lidera o início das manhãs entre as 6h30 e as 10h00.

 

Depois os telespectadores, transferem-se para a SIC. Entre as 10h e as 13h, o programa Fátima lidera as preferências dos telespectadores.

 

TARDE:

 

O Primeiro Jornal da SIC conquistou em Fevereiro as preferências dos telespectadores, o que permite ao canal de Carnaxide liderar cerca de 4h30m. Começa com o Fátima e acaba por volta das 14h30, hora a que termina o noticiário.

 

O público transfere-se depois novamente para a RTP. A novela brasileira Prova de Amor, agarra os telespectadores até cerca das 15h30, derrotando a concorrência da SIC e da TVI a esta hora.

 

Terminada esta novela, o público ainda vê os últimos minutos da Terra Nostra na SIC, e logo a seguir agarra-se às Tardes da Júlia na TVI, que lidera até ao fim.

 

O Contacto da SIC, conquista a audiência a partir do momento em que a Tardes da Júlia acaba. Liderança que se mantém nos primeiros 10/15 minutos da novela Sete Pecados.

 

Por volta das 18h15 começa o episódio repetido de Morangos com Açúcar e é a partir desta hora que a TVI agarra a liderança. Sobretudo tendo em conta que, nos últimos tempos, as audiências do Preço Certo da RTP têm caído a pique.

 

NOITE:

 

O Telejornal da RTP ainda é o noticiário preferido dos portugueses, sendo este um dos dois únicos programas da estação pública que lideram as audiências diariamente. Mas a ameaça - apesar da subida do Jornal da Noite da SIC - é o Jornal Nacional da TVI.

 

Terminados os noticiários, a audiência passa a ser liderada de forma arrasadora pela TVI. Tudo graças às três novelas que o canal de Queluz transmite de seguida. São elas: A Outra, Fascínios e Deixa-me Amar.

 

MADRUGADA:

 

Depois das novelas, o público volta à SIC. CSI e Socorro, apesar das repetições, ainda são as séries preferidas do late night.

 

Mais tarde, a SIC mantém-se na liderança com a emissão de Quando o Telefone Toca.

 

 

  • PROGRAMAS LIDERES DE AUDIÊNCIA: 
  1. BOM DIA PORTUGAL - RTP
  2. FÁTIMA - SIC
  3. PRIMEIRO JORNAL - SIC
  4. PROVA DE AMOR - RTP
  5. TARDES DA JULIA - TVI
  6. CONTACTO - SIC
  7. MORANGOS COM AÇÚCAR(R) - TVI
  8. MORANGOS COM AÇÚCAR - TVI*
  9. TELEJORNAL - RTP*
  10. A OUTRA - TVI*
  11. FASCINIOS - TVI*
  12. DEIXA-ME AMAR - TVI*
  13. CSI - SIC
  14. SOCORRO - SIC
  15. QUANDO O TELEFONE TOCA - SIC

* Programas emitidos em horário nobre e cuja captação de público permite alcançar bons resultados de audiência no total do dia.

 

 

publicado por Portugal TV às 19:16
VÍDEOS
Televisões mostram José Sócrates a preparar comunicação ao País Bloqueio à Liberdade de Informação no CascaisShopping
Em Votação:
"Peso Pesado" poderá ser a salvação das audiências da SIC?
Sim, porque é um programa cativante que fideliza o público.
Não, porque o programa é um bocado entediante.

últ. comentários
Parabens pelo blog :)
Viva!Não sei se alguem ira ler este meu comentario...
Herman José na rtp! Finalmente! Eu adoro-o desde s...
Esta foi das melhores noticias da tv que recebi! e...
Meu caro, Alguém o obriga a vir cá? Eu só visito o...
Este blog parece (ou é) um blog sobre a sic....
"O MELHOR GENÉRICO" O PRIMEIRO CONCURSO DO SÉRIES ...
sinais de fogo
O único exemplo no meio desta historieta que realm...
Caro TVI Blog, apenas alguns esclarecimentos:1- La...
Número de Visitantes:
free hit counter
hit counter
RECORDE DE VISITANTES:
EU JORNALISTA atingiu o recorde de 1466 visitantes únicos no dia 7 de Setembro de 2009, o que corresponde a 2301 visualizações do blog num único dia. Obrigado pela preferência e... volte sempre! (O anterior recorde foi de 376 visitantes no dia 1 de Fevereiro de 2009.) portugaltv@sapo.pt
BEM-VINDOS AO BLOGUE "EU JORNALISTA"
Agora com novas funcionalidades: VIDEO e MÚSICA.
MÚSICA
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
30
Últimas Audiências:
AUDIÊNCIAS MAIO 2011: TVI: 25,9%, SIC: 24% RTP: 22,1%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2011: TVI: 25,8%, SIC: 23,2% RTP: 21,5%. AUDIÊNCIAS MARÇO 2011: TVI: 26,3%, SIC: 23,5% RTP: 23%. AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2011: TVI: 26,9%, SIC: 22,9% RTP: 22,9%. AUDIÊNCIAS JANEIRO 2011: TVI: 28%, SIC: 24.1% RTP: 23.4%. AUDIÊNCIAS ANO 2010: TVI: 27,5%, RTP: 24,2%, SIC: 23,4% AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2010: TVI: 28.1%, RTP1: 24.5% SIC: 22.4%. AUDIÊNCIAS NOVEMBRO 2010: TVI: 27,3%, RTP1: 25,4% SIC: 23,1%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2010: TVI: 26,5%, RTP1: 23,6% SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2010: TVI: 27%, RTP1: 24,6% SIC: 22,3%. AUDIÊNCIAS MAIO 2010: TVI: 26,9%, RTP1: 23.7% SIC: 23.5%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2010: TVI: 27.3%, SIC: 23.8%. RTP1: 23.8% AUDIÊNCIAS MARÇO 2010: TVI: 28.7%, SIC: 23.8%. RTP1: 23.5% AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2010: TVI: 27,5%, SIC: 25,3%. RTP1: 24,7% AUDIÊNCIAS JANEIRO 2010: TVI: 28,5%, SIC: 25,2%. RTP1: 24,5% AUDIÊNCIAS ANO 2009: TVI: 28,7%, RTP: 24%, SIC: 23,4% AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2009: TVI: 27,5%, RTP1: 24,9%, SIC: 24%. AUDIÊNCIAS NOVEMBRO 2009: TVI: 28,4%, RTP1: 24,6%, SIC: 22,6%. AUDIÊNCIAS OUTUBRO 2009: TVI: 28,5%, RTP1: 23,9%, SIC: 23,4%. AUDIÊNCIAS SETEMBRO 2009: TVI: 27,5%, RTP1: 24,4%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS AGOSTO 2009: TVI: 25,8%, RTP1: 24,2%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS JULHO 2009: TVI: 28%, SIC: 24,3%, RTP1: 21,9%. AUDIÊNCIAS JUNHO 2009: TVI: 29%, SIC: 23,5%, RTP1: 22,2%. AUDIÊNCIAS MAIO 2009: TVI: 31,5%, RTP1: 23,2%, SIC: 21,5%. AUDIÊNCIAS ABRIL 2009: TVI: 30,2%, RTP1: 23,2%, SIC: 22,4%. AUDIÊNCIAS MARÇO 2009: TVI: 29,6%, RTP1: 24,3%, SIC: 23,2%. AUDIÊNCIAS FEVEREIRO 2009: TVI: 28,7%, RTP1: 25.9%, SIC: 24,4%. AUDIÊNCIAS JANEIRO 2009: TVI: 28,9%, SIC: 25.9%, RTP1: 25.4%. AUDIÊNCIAS DEZEMBRO 2008: TVI: 29.8%, RTP1: 25.5%, SIC: 25.4%. AUDIÊNCIAS ANO 2008: TVI: 30.5%, SIC: 24.9%, RTP1: 23.8%.
subscrever feeds
pesquisar neste blog
 
Abril 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
30